Efetivo variável, livro de Jessé Andarilho


Sinopse:
Em Efetivo variável, os dilemas do personagem Vinicius traduzem de forma brilhante as limitações de uma realidade social desigual e opressora.
Vinicius tinha certeza de que seria dispensado do Exército. Como refratário, porém, não teve direito de escolha e acabou na companhia que fazia o trabalho mais pesado do batalhão. No começo, fez corpo mole, porém logo descobriu que sua atitude prejudicava os companheiros. Decidiu então dançar conforme a música. Lavar, correr, esfregar, pagar flexões... a rotina militar era dura, mas lhe trouxe amigos e um propósito. Só havia uma coisa com a qual ele não se acostumava: as humilhações do sargento Vieira. Para complicar, começa uma relação secreta com a filha do sargento. Com uma narrativa segura, Jessé Andarilho cria conflitos e reviravoltas que se escondem sob uma aparente normalidade e dá vida a um garoto comum, cheio de aspirações, em busca de si mesmo.

Sobre o Autor:
Jessé Andarilho nasceu em 1981 e foi criado em Antares, no Rio de Janeiro. Leu seu primeiro livro aos 24 anos e, das anotações que fazia no celular durante o trajeto para o trabalho, estreeou na literatura com o romance Fiel, publicado pela Objetiva em 2014.


Câmara Brasileira do Livro divulga vencedores do 59º Prêmio Jabuti


A apuração revelou os três primeiros lugares das 29 categorias do prêmio

A Câmara Brasileira do Livro (CBL) realizou hoje, 31 de outubro, a apuração dos vencedores do 59º Prêmio Jabuti.

As três obras que receberam a maior pontuação dos jurados foram premiadas em cada categoria, respectivamente, em primeiro, segundo e terceiro lugares. A relação de vencedores foi validada pela auditoria Ecovis Pemom e já está disponível em www.premiojabuti.com.br.

Para esta edição, o Prêmio Jabuti trouxe como novidade duas categorias que se juntaram às vinte e sete já existentes: “História em Quadrinhos” e “Livro Brasileiro Publicado no Exterior”.  Segundo o curador Luiz Armando Bagolin, “a edição deste ano demonstra que estamos próximos do encerramento de uma longa fase de existência do Prêmio Jabuti, agigantado graças ao grande número de categorias que foram sendo acrescentadas ano a ano. A partir da próxima edição, o que está sendo proposto é uma atualização do Jabuti com foco nos leitores e autores brasileiros,  no que desejam ou esperam de um grande prêmio literário”.

A cerimônia de entrega do Jabuti acontecerá dia 30 de novembro, no Auditório Ibirapuera Oscar Niemeyer. Os primeiros colocados de cada categoria receberão o troféu Jabuti e R$ 3,5 mil, exceto a categoria “Livro Brasileiro Publicado no Exterior”, contemplada com a estatueta, a vinda do representante da editora estrangeira para a cerimônia e a promoção de um Projeto Comprador junto às editoras do Brazilian Publishers dos segmentos que essa editora publica, realizado com apoio da Apex-Brasil. Os vencedores dos segundos e terceiros lugares ganharão a estatueta.

Na premiação, também serão revelados os vencedores do Livro do Ano – Ficção e Livro do Ano – Não Ficção, definidos por votação dos profissionais do mercado editorial. Os vencedores serão contemplados, individualmente, com o prêmio de R$ 35 mil, além da estatueta dourada.

Nesta edição, a escritora Ruth Rocha será homenageada com o prêmio “Personalidade Literária” pelo conjunto de sua obra e contribuição à formação de gerações de leitores.

Os vencedores foram escolhidos entre mais de 2.346 obras inscritas, por um júri de especialistas indicado pelo mercado editorial e validado pelo Conselho Curador do Prêmio, composto pelo curador Luiz Armando Bagolin, Jair Marcatti, professor da Escola Superior de propaganda e Marketing (ESPM) e coordenador do Observatório de Economia Criativa da mesma instituição, Luis Carlos de Menezes, professor sênior do Instituto de Física da Universidade de São Paulo e Coordenador Acadêmico da Faculdade SESI/SP de educação, Pedro Almeida, publisher, jornalista e professor de literatura, e Eduardo Jardim, filósofo, professor, autor e vencedor do Livro do Ano de 2016. Apenas no dia da cerimônia, o júri será conhecido por todo o público.
________________________
Fonte: Câmara Brasileira do Livro (e-mail, 31 OUT 17).

Um hino ao Império - concurso literário de contos


Inscrições até 10 de Dezembro.

A participação é gratuita e os premiados terão suas obras publicadas e uma coletânea.

Confira o Regulamento completo em http://www.gloriosoimperiodobrasil.com.br .

Assis Editora - Concurso Literário - Prazo: 07 de novembro de 2017

https://assiseditora.com.br/concursos-literarios/jornada-literaria-2017-tematica-rua/
Píncaro Revista Eletrônica e Assis Editora Ltda convidam para participação GRATUITA em seu concurso literário Jornada Literária 2017 com a temática "RUA".
- inscrições deverão ser realizadas via E-MAIL;
- categorias: CRÔNICAS e POEMAS;
- prazo: 07 de novembro de 2017;
Edital disponível na página da Editora (clique na imagem acima).